• Band FM5
Terça-feira, 14 de agosto de 2018
(67) 9918-9198

Justiça suspende concursos para Polícia Militar e Corpo de Bombeiros em MS

Juiz também suspendeu a execução do contrato, com dispensa de licitação, entre o governo e a Fapems

  • Techno Brisa16

campo grande news

Concursos para policiais e bombeiros foram suspensos a pedido do MP. (Foto: Alcides Neto/Arquivo)

A Justiça suspendeu os concursos públicos para PM (Polícia Militar) e bombeiros, que ofertam 650 vagas. A decisão, desta segunda-feira (11), é do juiz da 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos de Campo Grande, David de Oliveira Gomes Filho, que atendeu pedido do MP/MS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul).

O magistrado também suspendeu a execução do contrato, com dispensa de licitação, entre o governo de Mato Grosso do Sul e a Fapems (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura de MS), com proibição de repasse de recursos públicos.

Na ação, o titular da 30ª Promotoria de Justiça, promotor Marcos Alex Vera de Oliveira, informa que a Fapems foi contratada, mediante dispensa de licitação, por R$ 3,7 milhões para realizar os concursos. A contratação foi publicada em 28 de março pelo governo do Estado.

Contudo, a Fapec (Fundação de Apoio à Pesquisa ao Ensino e à Cultura), vinculada à UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), apresentou documentação com custo de R$ 3,6 milhões pelo mesmo serviço. Ou seja, proposta mais vantajosa para a administração pública. A promotoria solicitou a cópia do processo de contratação da Fapems à SAD (Secretaria de Administração e Desburocratização), mas não recebeu a documentação.

O promotor ainda cita que a Fapems é ré em ação por improbidade administrativa, “notadamente por irregularidades em procedimento licitatório que culminou com a dispensa irregular de licitação, em situação assemelhada a tratada na presente medida”. Enquanto que a lei que autoriza a dispensa de licitação exige que a instituição tenha inquestionável reputação ético-profissional.

Conforme a ação, a contratação da Fapems, também mediante dispensa de licitação, para organizar concurso de delegado de Polícia Civil, agente e escrivão de Polícia Judiciária, está sob investigação do Ministério Público.

Ao deferir a liminar, o juiz afirma que a suspensão agora não gera prejuízos aos candidatos. “Por estes motivos, nos parece que concessão da tutela pleiteada é a medida mais prudente a ser tomada com vistas a proteção do erário público estadual”, informa o magistrado.

A decisão suspendeu os concursos públicos de provas para seleção de candidatos para ingresso nos Cursos de Formação de Oficiais e Praças da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul. Conforme a SAD, a PM ofertava 388 vagas para soldados, 50 para oficiais e 12 oficiais de Saúde.

Os editais dos bombeiros ofereciam 200 vagas, sendo 23 do Curso de Formação de Oficiais do Quadro de Oficiais Combatentes; 153 praças; 12 vagas do Quadro de Oficiais de Saúde e 12 vagas do Quadro de Oficiais Especialistas. A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da SAD e aguarda retorno.


Quer receber notícias do Site MS News via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9918-9198 e se cadastre gratuitamente!

Briga entre casal termina na delegacia com denúncia de violência doméstica em Deodápolis

Mulher relata aos policiais que marido não aceita fim da separação

Confira as ofertas para hoje em Jorge Mercado Atacarejo

Além de comprar barato, um lugar de fazer amigos!

Segurados e pensionistas devem agendar reavaliação no INSS até hoje

Foram convocados cerca de 178 mil beneficiários de auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez

'Dança dos Famosos 2018': conheça os participantes da nova temporada

Pode comemorar que vem muita emoção e desafio por aí. Confira!

Bebê com 9 meses morre asfixiado e polícia civil investiga causas em MS

O delegado responsável, Thiago Passos, explicou que os sinais de morte acontecida por asfixia, não significaque a morte foi provocada, até porque o corpo não apresenta sinais de violência ou traumas.

Ladrões tentam roubar camionete e desistem ao ver que era da prefeita de Dourados

Conforme o registro policial, o motorista estava na Avenida Hayel Bom Faker, no centro da cidade, e quando parou no semáforo na rua Cuiabá, três homens entraram no carro, uma Hilux, anunciando o assalto. Segundo ele, um dos assaltantes estava armado, outro assumiu a direção e o terceiro, que sentou no banco de trás, pegou cerca de R$ 700,00

Previsão é de temperaturas em elevação e baixa umidade do ar em MS

A temperatura máxima no Estado deve ficar na casa dos 35ºC, de acordo com o Inmet

Ronaldo Fenômeno é internado com forte quadro gripal

O ex-atacante está em Ibiza passando férias e começou a sofrer com gripe na última semana

Simone deixa a disputa e Harfouche deve ser opção do MDB ao Governo

Em nota, senadora alegou que foi uma decisão pessoal


PUBLICIDADE
  • Puppa20
  • Panificadora e Confeitaria Art's da Massa 123
  • Drogaria Padre José Daniel26
PUBLICIDADE
  • Prime Pedras27
  • Puppa31
  • Vidrosul33