Rebeca Andrade conquista prata inédita na final individual na ginástica em Tóquio

Ginasta de 22 anos se tornou a primeira brasileira a conquistar uma medalha na ginástica artística dos Jogos Olímpicos

| JD1 NOTíCIAS/MARCOS TENóRIO


Rebeca Andrade nas Olimpíadas   (Ricardo Bufolin / Panamerica Press / CBG)

Rebeca Andrade é medalha de prata do individual geral nesta quinta-feira (29). A ginasta de 22 anos se tornou a primeira brasileira a conquistar uma medalha na ginástica artística dos Jogos Olímpicos. 

Com 57,298 pontos, Rebeca só ficou atrás da americana Sunisa Lee, que somou 57,433 pontos e manteve o domínio do país na prova. O bronze foi para a russa Angelina Melnikova, com 57,199 pontos.

Rebeca foi a segunda a se apresentar no salto, seu aparelho mais forte. Ele executou um Cheng muito cravado, um salto de dificuldade muito alta ficando com 15,300 pontos. 

Rebeca foi a primeira a se apresentar nas barras assimétricas. Ela cravou sua série, inclusive acertando ligações de movimentos que não tinha feito na classificatória e conseguiu 14,666 pontos. 

O equilíbrio na trave seria a chave para o pódio. Rebeca foi a última a se apresentar. Muito firme, ela passou pela aparelho que é seu ponto menos forte (fraco não é) com 13,666 pontos.

Com a musica Baile de Favela Rebeca fez uma apresentação no solo com alguns erros, que custaram o ouro, mas a performace dela deu a pontuação de 13.666 que deu a primeira prata.  

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE