Vulcão que pode causar tsunami no Nordeste entra em erupção na Espanha

Região da Espanha está em alerta e áreas próximas do evento foram evacuadas

| TOP MíDIA NEWS/THIAGO DE SOUZA


Especialistas descaram riscos para o litoral brasileiro - Crédito: Borja Suarez - Reuters

O vulcão Cumbre Vieja entrou em erupção neste domingo (19), na e gerou alerta para toda a região das Ilhas Canárias, na Espanha. Houve polêmica esta semana, em razão de um estudo dizer da possibilidade dessa erupção causar um tsunami no Nordeste brasileiro. 

O governo local das Ilhas Canárias publicou em rede social que a erupção começou na área conhecida como ‘’Cabeza de Vaca, em El Paso. As autoridades promoveram a evacuação das áreas próximas ao Cumbre Vieja. 

Segundo o R7, o vulcão expeliu grandes colunas de fumaça, cinzas e lava, por volta das 16h30 (DF). A última erupção do Cumbre Vieja ocorreu em 1971. 

O Cumbre Vieja ficou em alto nível de alerta por uma semana devido ao aumento da atividade sísmica na ilha. Foram registrados milhares de terremotos de baixa intensidade, até o nível 4 da escala Richter, na área do vulcão. 

Nordeste

A probabilidade do vulcão afetar o nordeste brasileiro surgiu em 2021, na análise de dois grandes pesquisadores: Steven Ward, dos Estados Unidos e Simon Day, da Inglaterra. 

No entanto, especialistas em geociências e sismologia ouvidos pelo G1 afirmam que a chance do desastre acontecer é remota.

Conforme o site, o professor Saulo Vital, do Departamento de Geociências da Universidade Federal da Paraíba, afirmou que não existem estudos aprofundados com simulações numéricas sobre os impactos para a costa brasileira. 

Vital detalhou que o que poderia causar uma tsunami seria uma erupção explosiva, ou seja, o desmoronamento de parte do vulcão. Isso porque, de acordo com ele, os sismos que costumam ocorrer na área do Cumbre Vieja são moderados, e o que pode gerar tsunamis são abalos sísmicos de alta intensidade.

Na visão do especialista, caso haja uma erupção capaz de desestabilizar a estrutura rochosa do vulcão, causando um desmoronamento, essa queda iria gerar um movimento de massas d’água. Esse movimento criaria altas ondas, que atingiriam toda a costa do Atlântico. 

Ainda segundo a análise, as chances de isso ocorrer são muito pequenas e não há sequer alerta de risco emitido pelo serviço espanhol. 

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE