• Band FM5
Domingo, 16 de dezembro de 2018
(67) 9.9605-4139

Eleições 1978: A primeira para o Parlamento Sul-Mato-Grossense

  • Techno Brisa16

Wagner Cordeiro Chagas *

Prezado leitor (a), a partir desta semana inicio uma série de artigos relacionados aos processos eleitorais ocorridos no estado de Mato Grosso do Sul, tanto para governador, quanto para deputados estaduais, federais e senadores. A ideia é contribuir com novos conhecimentos a respeito da história de nosso estado, por meio de textos curtos e simples. Este é o primeiro e tem como objetivo apresentar como se deu a primeira eleição para Assembleia Legislativa de MS, e também para os representantes do estado na Câmara dos Deputados e Senado Federal, em 1978.

Mato Grosso do Sul nasceu no dia 11 de outubro de 1977, de um ato arbitrário da ditadura militar, sem que houvesse consulta popular para dividir o então gigante Mato Grosso. Os ideais divisionistas do Sul de Mato Grosso têm origem no final do século XIX, quando alguns grupos de políticos, empresários, jornalistas, fazendeiros, entre outros, passam a defender a criação de uma nova unidade federativa.

Criado o estado, as primeiras eleições para escolha dos deputados estaduais, deputados federais e 1 senador ocorreram em 15 de novembro de 1978. A ditadura permitia eleições parlamentares, no entanto, escolher o presidente da República, o governador, prefeitos de municípios considerados área de segurança nacional, como capital, não era permitido.

Para a Assembleia Legislativa, os eleitores de Mato Grosso do Sul escolheram, pelo MDB, partido de oposição à ditadura militar: Cecílio Gaeta, Getúlio Gideão, Sergio Cruz, Onevan de Matos, Sultan Rasslan, Odilon Nacasato e Roberto Orro. Pela ARENA, legenda de sustentação à ditadura, foram eleitos: Ramez Tebet, Paulo Saldanha, Londres Machado, Valdomiro Gonçalves, Osvaldo Dutra, Horácio Cerzósimo, Rudel Trindade, Alberto Cubel, Walter Carneiro, Zenóbio dos Santos e Ary Rigo.

Foram eleitos para a Câmara dos Deputados: Rubén Figueiró, Levy Dias e João Leite Schimidt, todos da ARENA. O MDB elegeu: Ubaldo Barém, Antônio Carlos de Oliveira e Walter de Castro.

Na disputa pela única vaga no Senado Federal, o confronto foi entre legenda e sublegenda, regra vigente na época, que permitia aos partidos lançar mais de 1 candidato ao cargo de senador. Pedro Pedrossian, ex-governador de Mato Grosso uno, e que, desde a criação de Mato Grosso do Sul, reivindicava ser nomeado o primeiro governador do estado, disputou a vaga ao Senado, como forma de comprovar ao então presidente ditador Ernesto Geisel sua popularidade por aqui. Contudo, a disputa foi apertada. Os candidatos da ARENA foram os 2 ex-governadores de Mato Grosso: Pedro Pedrossian e José Fragelli (sublegenda). Pelo MDB concorreram: Plínio Barbosa Martins, ex-prefeito de Campo Grande, e Humberto Neder (sublegenda). Pedro Pedrossian obteve 134.338 votos e José Fragelli 45.815 votos. Plínio Martins recebeu 130.652 votos e seu companheiro Humberto Neder 11.456. Pedro Pedrossian conquistou a vaga graças à somatória de seus votos com o de José Fragelli.

Os primeiros parlamentares de Mato Grosso do Sul tomaram posse em fevereiro de 1979 e ao longo de seus mandatos participaram de momentos importantes do início do funcionamento do novo estado, como a elaboração da primeira Constituição Estadual, sancionada em julho daquele ano. Acompanharam também as crises causadas pela disputa de poder, entre 1979 e 1982, que levou Mato Grosso do Sul a ter 4 governadores: Harry Amorim Costa, Londres Machado, Marcelo Miranda Soares e Pedro Pedrossian.

*  Mestre em História pela UFGD e professor em Fátima do Sul. Pesquisa sobre história política de MS desde 2007. Autor do livro “As eleições de 1982 em MS” (2016).


Quer receber notícias do Site MS News via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9.9605-4139 e se cadastre gratuitamente!

Raio queima transformador e cidade pantaneira ficará sem água até às 20h

Orientação é para que a população economize no consumo e evite desperdício

Motorista morre e duas pessoas ficam feridas em capotagem na MS-165

Motorista saiu da pista, capotou e colidiu contra cerca de arames

AGORA: Bombeiros combatem incêndio em apartamento no centro de Dourados

O fogo atingiu alguns cômodos do apartamento e levou preocupação aos moradores das outras unidades residenciais do local

Estiagem ocorre em fase crítica da soja no Sul do MS

Dados do Guia Clima revelam que as lavouras de soja de ciclo precoce, que foram semeadas no início de outubro, estão, em média, com déficit hídrico de 47 mm

Brasileiro é preso no Paraguai com US$ 100 mil e coleção de relógios

Ele era um dos chefes do tráfico de drogas na favela de Acari, na Zona Norte do Rio

Publicitária de Campo Grande é coroada Miss Mato Grosso do Sul Be Motion 2019

Ela disputou a coroa com Kassiane Klein, de Iguatemi, Luana Queiróz Batista, de Chapadão do Sul, e Maria Caroline Dutra de Oliveira, de Amambai

Dez motoristas perdem CNH por beber e dirigir e outros três são presos em Campo Grande

As detetenções são de pessoas que se envolveram em acidentes após a ingestão de bebidas alcoólicas

Mega-Sena acumula novamente e prêmio vai a R$ 48 milhões

A quina teve 72 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 46.944,97. Outras 5.454 apostas acertaram a quadra; cada uma receberá R$ 885,33

Mulher é assassinada e tem o rosto desfigurado em Naviraí

Seminua, vítima foi localizada com o rosto desfigurado, mas tatuagem no braço direito ajudou na identificação

Homem morto em confronto articulava assassinato de sargento do Corpo de Bombeiros

A polícia chegou ao local na tentativa de abordar o rapaz, mas foi recebida a tiros. No confronto Natanael acabou atingido e morreu


PUBLICIDADE
  • Puppa20
  • Móveis Brasília25
  • Drogaria Padre José Daniel26
PUBLICIDADE
  • Prime Pedras27
  • Puppa31
  • Vidrosul33