Duas crianças de pouco mais de dois anos fugiram, na manhã da quarta-feira (7), do Ceinf (Centro de Educação Infantil) Professor Eloy Souza da Costa, no Jardim Tijuca, em Campo Grande. Os meninos saíram por um portão lateral do estacionamento do Ceinf e até atravessaram correndo a rua Souto Maior, uma das mais movimentadas da região.

A mãe da criança registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil e a reclamação no grupo Aonde Não ir em Campo Grande, no Facebook.

“Hoje pela manhã, às 7h como de costume, levei meu filho no Ceinf e entreguei nas mãos da cuidadora. Com a certeza da responsabilidade das cuidadoras e diretora fiquei tranquila. Meu dia correu normalmente.

Porém, às 16h20, recebi a ligação da diretora que falou que meu filho e um colega haviam feito uma arte! Chegando lá, me informou que meu filho mais um colega de 2 anos e meio tinham apenas aberto o portão e fugido até a calçada e alguém viu e já gritou as funcionárias.

 

Porém, consegui encontrar a pessoa que os encontrou e ela disse que os dois atravessaram sozinhos uma avenida super movimentada. Ainda andaram mais uma quadra até ela perceber que realmente estavam sozinhos e correr atrás e leva-los de volta ao Ceinf.

Detalhe: o fato aconteceu entre 8 e 9 da manhã, porém, só fui informada as 16:20!
O que fazer em um caso desses?

Já fiz boletim de ocorrência!

A diretora da unidade ainda deu um ralo nas crianças como se elas fossem culpadas pelo ocorrido!”

Jornal Midiamax foi até o local e conversou com os moradores que encontraram as crianças na rua.

A verdureira Luzinete Vieira da Silva atendia uma cliente no sacolão quando as duas viram os meninos. Um deles estava uniformizado e o outro não. Ambos levavam seus carrinhos de brinquedo.

Luzinete diz que a princípio, achou que eles estavam acompanhados dos pais, mas, quando atravessaram a rua correndo, ela e a cliente perceberam que eles estavam sozinhos. “É um absurdo as crianças conseguirem fugir, sem ter um adulto supervisionando. É uma rua muito movimentada e poderia ter acontecido uma tragédia”, comenta a verdureira.

A cliente do sacolão chegou a passar no Ceinf para fazer uma reclamação com a direção e a diretora também foi ao estabelecimento, segundo Luzinete, para saber mais informações com as testemunhas.

Ao mesmo tempo em que foram vistos por quem estava no sacolão, as crianças chamaram a atenção da cabeleireira Clarice Ramos e de uma cliente dela. As duas viram que as crianças estavam sozinhas e correram atrás dos garotos. Como um deles derrubou o carrinho de brinquedo, Lúcia, a cliente do salão conseguiu alcançá-los. Foi ela quem levou os meninos ao Ceinf.

Apesar do susto, as crianças voltaram para o Ceinf sem maiores problemas. Na manhã desta quinta-feira (8), as mães de crianças ficaram sabendo do ocorrido e muitas criticaram

“Com certeza eu também ficaria revoltada, porque essa rua é super movimentada. Na segunda-feira uma moto derrubou um idoso. O trânsito de veículos e muito intenso e o que aconteceu foi uma irresponsabilidade”, diz a cabeleireira citando as reclamações das mães de alunos do Ceinf.

Rapidamente a notícia da ‘fuga’ das crianças se espalhou entre os pais e responsáveis de alunos matriculados. “Eu fiquei assustada, liguei na Semed e eles confirmaram a história”, afirmou a tia de um aluno que não quer ser identificada.

Alguns pais resolveram falar com comerciantes instalados nas imediações para coletar mais informações. “Estava todo mundo sabendo do caso”, contou a dona de casa.

A Semed informou que  já abriu uma sindicância para apurar o ocorrido. “Assim sendo, o fato corrido no Ceinf em questão está sendo investigado para que as medidas cabíveis sejam tomadas”.

Temor

Quando ficou sabendo do que aconteceu, a mãe de uma das alunas do Ceinf decidiu não levar a filha para o local nesta quinta-feira (8). “Que segurança eu tenho de deixar minha filha lá?”, questionou.

Ela reclama que ligou na escola para saber mais informações sobre as providências que serão tomadas e não foi bem atendida. “Me disseram apenas que o assunto estava sendo tratado com os envolvidos. Mas os pais de todos os alunos precisam de uma satisfação”, reclamou a mãe.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9.9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


LEIA MAIS

Mãe e padrasto são presos por espancar, matar e enterrar criança de 3 anos> Violência
Mãe e padrasto são presos por espancar, matar e enterrar criança de 3 anos
Menino João Pedro estava desaparecido desde a madrugada de sábado.

Com depressão pós-parto, mãe que rejeitou bebê teve ajuda da prima para cuidar da filha: 'Me ajudou sem julgar'> Mato Grosso do Sul
Com depressão pós-parto, mãe que rejeitou bebê teve ajuda da prima para cuidar da filha: 'Me ajudou sem julgar'
Aline conta que nos primeiros dias "não conseguia amar a filha", e nessa fase, a prima ia todos os dias até sua casa para cuidar dela e da b

Assaltantes invadiram festa em chácara e agrediram vítimas a coronhadas> Ivinhema
Assaltantes invadiram festa em chácara e agrediram vítimas a coronhadas
Quatro bandidos foram presos e outro morreu após confronto com policiais do DOF e da PM; ele ainda não foi identificado

Empresários se unem para garantir realização de Carnaval em Jardim> Confira
Empresários se unem para garantir realização de Carnaval em Jardim
Grupo fará reunião na noite desta segunda-feira para oficializar proposta para empresariado

Simone confirma que vai entrar na briga para disputar presidência do Senado> Política
Simone confirma que vai entrar na briga para disputar presidência do Senado
Com decisão, parlamentar deve enfrentar, dentro do partido, o colega Renan Calheiros (MDB/AL) para ser escolhida para eleição

Em MS, mensagem no WhatsApp sobre abuso de criança é fake news, garante polícia> Alerta
Em MS, mensagem no WhatsApp sobre abuso de criança é fake news, garante polícia
Delegada alerta para necessidade do usuário saber a origem da mensagem antes de compartilhar informações por grupos

Adolescente suspeito de espancar e esfaquear pintor até a morte é detido em MS> Mato Grosso do Sul
Adolescente suspeito de espancar e esfaquear pintor até a morte é detido em MS
Polícia suspeita que oito adolescentes estão envolvidos em crime

Assaltante morto em confronto com a polícia era paranaense e tinha 34 anos> Roubo em Ivinhema
Assaltante morto em confronto com a polícia era paranaense e tinha 34 anos
Bandidos usaram uma pistola 9 milímetros, um revólver calibre 22 e uma arma de brinquedo em assalto com reféns

Alvo de fiscalização, mercado de MS é flagrado até com moscas em carnes> Mato Grosso do Sul
Alvo de fiscalização, mercado de MS é flagrado até com moscas em carnes
Proprietário foi autuado e tem prazo de 15 a 30 dias para se adequar às normas

Preço médio do botijão de 13 kg sobe e chega aos R$ 72 em MS> MS
Preço médio do botijão de 13 kg sobe e chega aos R$ 72 em MS
Campo Grande, Nova Andradina e Ponta Porã registraram aumento no valor do botijão de 13 kg.

Arsenal seria entregue ao clã de Pavão para vingar morte de Chico Gimenez> Paraguai
Arsenal seria entregue ao clã de Pavão para vingar morte de Chico Gimenez
Polícia paraguaia afirma que fuzis, pistolas e munições seriam usados em outro banho de sangue na fronteira

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE