A eleição da mesa diretora da Câmara de Vereadores de Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande, está mantida para 14h desta sexta-feira (7), anunciou há pouco, em entrevista coletiva, a presidente do Legislativo, Daniela Hall (PSD).

Segundo ela, o fato de dois membros de uma das chapas inscritas estarem presos não afeta a eleição, já que Pedro Pepa (DEM) e Pastor Cirilo Ramão (MDB) estão aptos para o pleito.

“Não podemos paralisar todo o trabalho da Câmara por causa da operação. Tecnicamente eles podem, sim, serem votados. Temos duas chapas aptas para disputar a eleição”, afirmou Daniela.

Segundo ela, caso algum vereador preso ontem na Operação Cifra Negra seja eleito amanhã e continuar atrás das grades até o dia 1º de janeiro – quando a nova mesa diretora toma posse – o cargo é declarado vago e ocorre nova eleição para preenchimento dessa vaga.

Pedro Pepa é candidato a presidente da chapa “Legislativo Forte” e tem Cirilo Ramão como candidato a segundo-secretário. A outra chapa é encabeçada pelo vereador Alan Guedes, também do DEM.

Pepa, Cirilo e o vereador Idenor Machado (PSDB), presidente do Legislativo douradense de 2011 a 2016, foram presos ontem na operação desencadeada pelo Ministério Público de Mato Grosso do Sul e Polícia Civil.

Também estão presos Amilton Salina, ex-funcionário da Câmara, e Dirceu Longhi, ex-vereador e que foi primeiro-secretário no período em que Idenor presidiu o Legislativo. Os cincos mandados são de prisão preventiva, ou seja, sem prazo determinado.

Sobre a operação, Daniela Hall afirmou não saber se as empresas investigadas continuam ou não mantendo negócios com a Câmara, já que não teve acesso à investigação do MP. Entretanto, ela prometeu fazer uma auditoria em todos os contratos do Legislativo com prestadores de serviços.

Afastamento – Surgiram boatos hoje de que Idenor Machado deve pedir afastamento do mandato, assim como fez a vereadora Denize Portolann (PR).

Denize foi presa no dia 31 de outubro deste ano na Operação Pregão, que também investiga corrupção envolvendo licitação, só que na prefeitura. Ela foi secretária de Educação de março de 2017 a janeiro de 2018.

Atualmente a vaga de Denize na Câmara é ocupada pela suplente Lia Nogueira (PR). Se Idenor pedir afastamento, a cadeira dele será ocupada pelo suplente Maurício Lemes Soares (PSB).

A operação – Batizada de Cifra Negra, a operação desencadeada ontem em Dourados investiga fraude em licitação e pagamento de propinas a servidores públicos. Foram dez mandados de prisão – cinco em Dourados e cinco em Campo Grande, cujos nomes dos presos não foram informados.

Segundo o Ministério Público de Mato Grosso do Sul, a ação é desdobramento das operações Telhado de Vidro e Argonautas, que investigaram crimes de fraude em licitação e corrupção ativa em 2013 e 2014.

A investigação aponta que as mesmas empresas se apresentavam em concorrências e agiam em conjunto. Algumas delas só existiam no papel. O objetivo era simular uma disputa de propostas. “Sem a devida a concorrência, os valores dos contratos oriundos destes processos se faziam exorbitantes”, diz o MP. (Colaborou João Pires)

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9.9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


LEIA MAIS

Discovery Sport 2019 chega com Versão Especial Landmark Edition> veículos
Discovery Sport 2019 chega com Versão Especial Landmark Edition
Modelo vem equipado com motor Ingenium 2.0 Turbo Diesel capaz de gerar 180 cv de potência e 430 Nm de torque

Ministério Público de MS baixa novas regras sobre sigilo em inquéritos> confira
Ministério Público de MS baixa novas regras sobre sigilo em inquéritos
Enunciado aprovado em Conselho Superior adequa normas às previsões do CNMP e à Lei de Acesso à Informação; dados pessoais serão protegidos por

Após denúncias de valores abusivos, Energisa aceita parcelar faturas em até 4 vezes em MS> mato grosso do sul
Após denúncias de valores abusivos, Energisa aceita parcelar faturas em até 4 vezes em MS
Moradores podem procurar empresa a partir desta quarta-feira (23)

Vereador terá de prestar serviço comunitário por acidente que matou manicure em MS> decisão
Vereador terá de prestar serviço comunitário por acidente que matou manicure em MS
Ayrton de Araújo (PT) ainda terá de pagar R$ 9,9 mil para entidade social e teve a habilitação suspensa por dois meses

Esperando amputação, paciente aponta descaso em hospital da fronteira> Confira
Esperando amputação, paciente aponta descaso em hospital da fronteira
Paulista Juvenal Neto está internado há duas semanas em Ponta Porã; Secretaria de Saúde diz que Instituto Gerir recebeu R$ 3,6 milhões neste mês

Tribunal de Justiça nega retirar feminicídio do caso Mayara Amaral> Mato Grosso do Sul
Tribunal de Justiça nega retirar feminicídio do caso Mayara Amaral
O julgamento de Luís Alberto Bastos Barbosa estava marcado para ocorrer no fim do ano passado, contudo, foi adiado diante do recurso da defesa

Empresário paraguaio sequestrado na fronteira é resgatado em mata> Terra sem lei
Empresário paraguaio sequestrado na fronteira é resgatado em mata
Imprensa paraguaia afirma que resgate de R$ 70 mil foi pago, mas vereador de Capitán Bado, cunhado da vítima, nega pagamento

Vereador de Campo Grande é acusado de estuprar garoto de 13 anos> Investigação
Vereador de Campo Grande é acusado de estuprar garoto de 13 anos
Pais disseram que ele teria confessado e dito que estava sob efeito de drogas

Com helicóptero e polícias integradas, fronteira de MS com Paraguai está em alerta> Confira
Com helicóptero e polícias integradas, fronteira de MS com Paraguai está em alerta
Objetivo é diminuir ações do crime organizado, forte na fronteira do estado com país vizinho

Pescadores fazem vaquinha para velório de criança de 6 anos que morreu afogada no rio Miranda> Confira
Pescadores fazem vaquinha para velório de criança de 6 anos que morreu afogada no rio Miranda
Corpo da criança de 6 anos foi localizado pelos bombeiros na manhã desta terça-feira

No primeiro dia de vaquinha, empresários já tem R$ 20 mil para Carnaval> Jardim
No primeiro dia de vaquinha, empresários já tem R$ 20 mil para Carnaval
Associação Empresarial de Jardim se reuniu na noite de segunda-feira com associados para apresentar proposta

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE