Trabalhadores de usina em Caarapó são infectados por coronavírus

As duas testagens positivas foram confirmadas pelo prefeito da cidade

| MIDIAMAX


Usina fez testagen en 200 funcionários. (Foto: Reprodução/Raízen).

A pandemia do coronavírus não está apenas nas aldeias de Dourados. No último final de semana ela também foi detectada na Reserva de Caarapó com o surgimento de dois casos de indígenas que trabalham  em uma usina de álcool da cidade,

As duas testagens positivas foram confirmadas pelo prefeito André Nezzi (PSDB, que divulgou nota alertando a população sobre contágio comunitário, uma vez que segundo ele, o vírus transmissor da doença está circulando entre a população.

“Recentemente foram realizados testes em seus funcionários indígenas, após a interrupção da prestação de seus serviços. Dos 200 testes realizados, dois deram positivos em jovens com idade entre 20 e 22 anos. Os dois passam bem e estão em isolamento', disse o prefeito, .

Segundo Nezzi, a Raízen, usina onde os dois trabalham está tomando todos os procedimentos orientandos pelo comitê de Comitê de Enfrentamento e Combate ao Coronavírus de Caarapó, juntamente com equipes da Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena).

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE