Troca de tiros na fronteira termina na prisão de dois cariocas ligados ao CV

Com eles também estavam mais dois paraguaios

| MIDIAMAX


Um dos presos foi levado para atendimento médico. (Foto: Divulgação)

Quatro pessoas foram presas nesta sexta-feira na cidade de Capitán Bado, na fronteira com Mato Grosso do Sul, após um tiroteio com a Polícia Nacional. Entre eles, estão os brasileiros Fabrizio Cardozo e Marcelo Brandão Leite, ambos de 27 anos. Os outros dois são de nacionalidade paraguaia.

Segundo informações da polícia, com eles foram apreendidas armas de fogo e um veículo Jeep, com placa de Belo Horizonte. Os quatro suspeitos tentaram fuga e dois deles acabaram se entregando aos agentes paraguaios.

Um deles escalou uma mangueira e começou a atirar nos policiais. Durante a troca de tiros, foi atingido no abdômen e levado ao Centro de Saúde.

Ainda de acordo com relatos da Polícia Nacional, os dois brasileiros são residentes no Rio Janeiro. As primeiras investigações apontam que eles podem estar ligados à organização criminosa Comando Vermelho.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE